Imprensa Home Port Ing Esp

Bomba de Infusão

1. Qual a diferença entre uma bomba de infusão volumétrica e uma bomba de infusão gota a gota?

R.: A diferença básica entre essas duas bombas é a forma de controle da vazão, onde, na bomba de infusão volumétrica o controle é feito diretamente através do volume em mL/h, e na bomba de infusão gota a gota o controle da vazão é feito através da contagem do número de gotas por minuto que, posteriormente, é transformado para leitura em mililitros por hora.

Este tipo de controle sofre uma grande influência do tipo de solução que será infundida. A proporção padrão de 20 gotas igual a 1mL é diferente de acordo com a densidade da solução. Por exemplo, em uma solução fisiológica a 0,9% a proporção padrão de 20 gotas igual a 1mL é válida. Em solução de glicose á 50% essa proporção aumenta para aproximadamente 24 gotas igual a 1mL. Isto só considerando as soluções puras, sem a adição de drogas, que pode aumentar ainda mais a margem de erro relativa a proporção de gotas por mililitro.

A impossibilidade de um controle mais rígido da vazão nas bombas contadoras de gotas também é expressa em especificação técnica, pela ausência de infusão de microfluxos.

Outro aspecto erroneamente avaliado sobre o uso de bombas de infusão gota a gota é a crença de que este tipo de equipamento permite o uso de qualquer "equipo comum" (equipo universal). O uso correto das bombas de infusão gota a gota requer a utilização de equipos padrão de marcas específicas (JMS, Nipro, Terumo, Abbott, etc), que dificilmente são encontradas no mercado nacional.

Informações completas quanto a susceptibilidade desse tipo de equipamento às variações de soluções de infusão e os equipos recomendados para seu uso adequado normalmente podem ser encontradas em manuais de operação originais.
 

2. A bomba de infusão LF 2001 possui sistema de infusão em microfluxo?

R.: Sim. A bomba de Infusão LF 2001 possui programações distintas, para pacientes neonatos e adultos, proporcionando maior segurança à infusoterapia aplicada.
  • Neo: 0,1 a 99,9mL/h.
  • Adulto: 1 a 9.999mL/h.
    Fluxos acima de 99,9mL/h não são apropriados para unidades neonatais. (ECRI, 1997)
     
  • 3. A bomba de infusão LF 2001 pode ser usada para a infusão de soluções via parenteral e enteral? 

    R.: Sim. A bomba de Infusão LF 2001 possui uma completa linha de equipos para atender as necessidades de infusão de diversos tipos de soluções: equipo parenteral, equipo enteral, equipos com bureta, equipos fotoprotetores, equipo PVC free (baixa adsorção), equipo PVC free foto. 

    4. Qual é a função do KVO na bomba de infusão?

    R.: O sistema KVO é um dispositivo de segurança que promove a manutenção do acesso venoso. Ou seja, é um sistema que impede a ocorrência de obstrução do acesso venoso pelo qual está sendo realizada a infusão evitando, assim, a perda desnecessária do mesmo.
     

    5. Qual a importância de um equipo específico para uso na bomba de infusão ?

    R.: O equipo & bomba de infusão são considerados como um sistema único. A relação equipo & bomba de infusão é fundamental para a garantia da precisão na infusoterapia aplicada. A bomba de infusão controla a infusão de um determinado volume de solução por um determinado período de tempo (mL/hora). A segurança desta infusão controlada só pode ser garantida através de um equipo com especificações técnicas e conformação especialmente desenvolvidas para o equipamento em uso. Tal é a importância da relação bomba de infusão & equipo que, segundo a norma NBR IEC 60601-2-24 que trata da segurança de bombas e controladores de infusão, dentre as instruções para utilização deste tipo de equipamento deve existir informações precisas dos equipos recomendados para seu uso bem como as consequências da utilização de equipos inadequados.
     

    6.Quais os tipos de alarmes existentes na bomba de infusão LF 2001 ?

    R.: A LF 2001 possui um completo sistema de alarmes visuais e sonoros, os quais são acionados nos seguintes eventos:
  • Oclusão de via;
  • Vazão livre;
  • Ar na linha;
  • Fim de infusão;
  • Bateria com carga baixa;
  • Indicação de alarme de KVO.

  • 7. Quais as vantagens da aquisição de bombas de infusão através de comodato ?

    R.: No comodato, o hospital recebe as bombas de infusão gratuitamente para serem utilizadas "temporariamente", evitando o desembolso financeiro necessário no caso de aquisição, além do controle de depreciação e monitoramento da obsolecência. A relação entre o comodante (quem entrega) e o comodatário (quem recebe) se mantém pelo fornecimento dos equipos de infusão. No caso da Lifemed, o cliente ainda pode contar com os serviços de treinamento sobre a utilização do sistema de infusão, suporte técnico sobre dúvidas de aplicação do produto e serviço de engenharia clínica especializado e rápido.


     

    Indique esta página a um amigo! Preparar para Impressão